sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Discurso de abertura do evento

Antes de tudo quero revelar, meu contentamento pela presença de todos: da coordenação, do corpo docente e, em especial, do corpo discente. Agradeço aos funcionários da biblioteca pelo apoio e pelo local disponibilizado.
Agradecimento redobrado aos primeiros e segundos anos pelo incansável trabalho nos momentos pré-mostra cultural e agradecimento caloroso aos terceiros anos aqui presentes, pois sabem o quão importante é este ritual chamado TCC. Bem, quero tornar este meu texto uma exceção no que diz respeito ao gênero textual e uma exceção no que tange ao formalismo lingüístico, pois a partir de agora eu o transformo em uma miscelânea de gêneros (carta forma, informal, relato, notícia, depoimento... sei lá! Deixo para Jura decidir) e o escrevo transitando pelo informalismo. Isso por conta de tentar fazer com que as palavras revelem o contentamento a que estou imerso. E nada melhor do que tentar relatar. Pensei em construir minha fala a partir do improviso, mas seria injusto com as pessoas presentes e fundamentalmente desonesto e desonroso com as alunas Kaline e Thamires.
Por quê? Porque o TCC da Kaline e o TCC da Thamires revelam paixão, seriedade, rigor e intelectualidade. Mais do que isso, revelam conhecimento produzido e aprendizado (principalmente para mim, pois nunca aprendi tanto sobre filosofia Schopenhauriana e sobre contos de fadas).
Aquilo que era esboço no mês de março se concretizou. Os momentos de ansiedade, nervosismo e até mesmo medo acabaram. Digo ao publico que os trabalhos não são TCC’s , são obras. “Obras”: palavra ideal para definir os trabalhos de vocês. E nós sabemos que as obras sérias ficam, nos marcam e avançam para o patamar dos clássicos. Obrigado pelo aprendizado e pelo convívio fraternal. O que me resta é dizer: voos mais altos, pois já não posso mais ajudá-las intelectualmente. Como dizia o professor Gilberto: Humildade Intelectual. E faço uso disso, pois cheguei ao meu limite. Drummond dizia que “o mundo é um vasto mundo”, então fico aqui ansioso para ver vocês resplandecerem nessa vastidão. Meninas, parabéns pelos trabalhos. Parabéns por enriquecerem a memória do Colégio Magister. Parabéns antecipado pelas pessoas brilhantes que vocês serão.

Cordialmente,Alexandre

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário